DIY, Gosto/Não gosto, Like/Don't Like

Pintura das Camélias

Follow my blog with Bloglovin

Scroll down for English version

Sempre achei que era a menos talentosa cá de casa em termos de pintura e desenho. O meu pai tem muito jeito para pintura e geometria, a minha mãe e o meu irmão para desenho e eu… Nada de jeito saia destas mãos para a tela.

Até que resolvi deixar de tentar fazer desenhos ou pinturas realistas e perfeitas (o que para mim foi um enorme desafio, tendo em conta que sou uma perfecionista inveterada). Deixei-me levar pela inspiração e soltei o pincel 😁

Utilizando a campanha da @palmolive_portugal como “desculpa” e as lindíssimas camélias como inspiração, descobri que afinal até me desenrasco, numa espécie de impressionismo. Mas quando digo “uma espécie”, é mesmo “uma espécie”….

Não sou nenhum Van Gogh (muito modesta), mas aparentemente é neste género de pintura que me consigo expressar melhor na tela, talvez simplesmente por ser um dos meus pintores preferidos ou porque, como disse antes, pinturas perfeitas e realistas não são bem a minha “cena”.

Agora, tenho de procurar outra “musa” e ver se consigo repetir a proeza ou se foi sorte de principiante 😁 Se assim for, volto à espécie de um tipo assim de estilo abstrato que fazia antes, com stencils e borrões de tinta…

Aqui está o quadro da campanha #brilhecompalmolive e o quadro propriamente dito. Espero que gostem!

img_20180812_123509_9501854956998.jpglrm_export_20180813_1342241897178621.jpg

Painting of Camellias

I always thought that I was the least talented in my family when it came to painting and drawing. My father is really good at painting and geometry, my mother and brother at drawing, and I…Well, nothing good ever came out of these hands and into a canvas.

That’s until I decided to stop trying to make drawings or paintings that were absolutely realistic and perfect (which was a huge challenge, since I’m an inveterate perfectionist), and allowed inspiration to guide my hand and unleashed the brush 😁

Using the campaign from @palmolive_portugal as an “excuse” and the beautiful camellias as inspiration, I discovered that I’m actually can manage, in a sort of impressionism. Now, when I say “sort of”, I really do mean “sort of”…

I’m no Van Gogh (so modest), but apparently this is the style of painting in which I’m better able to express myself on canvas. It could be simply because he’s one of my favorite painters or because, as I’ve mentioned before, perfect realistic painting is really not my thing.

Now, I must find another “muse” and see if I can do it again, or if it was simply beginners luck 😁 If so, I shall go back to that sort of abstract type thingy that I used to do, which was basically with stencils and blobs of paint…

So, here is the painting for the #brilhecompalmolive campaign, and just the painting on its own. I hope you like it!

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.